Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 8 de junho de 2010

Confissões de um assassino

Não fique ao meu lado, não olhe para mim, nem ao menos pense em descobrir quem eu sou. Não é de minha natureza revelar-me... Deus? Palavra desconhecida de meu vocabulário, Diabo? muito menos. Quando eu era criança as pessoas achavam que eu era bom, até matar meus pais esquartejados. Me levaram para um abrigo de crianças medíocres, claro que fugi... Eu precisava matar, isso sustentava meu corpo. Ver alguém agonizando de dor, é um imensurável prazer. É realmente maravilhoso sentir o cheiro de sangue... Posso ser louco, não ser normal. Pouco me importa, neste mundo ninguém é normal, ninguém agrada... Não sou eu que vou ser o primeiro. Gosto de matar as pessoas aos poucos, como em um jogo maldito. Gritos soam como musicas natalinas, não posso dizer que me trás paz, porém, meu corpo absorve a energia... Torna-se mais compulsivo por matar. Não é doença mental, é apenas um estilo de viver. Ou você mata aqueles à todos, ou todos matarão você. Não há para onde correr, eu escolhi matar... E você?

20 comentários:

  1. eu escolho viver...vencendo cada dia...os obstáculos...que aparece em minha frente,,,,

    ResponderExcluir
  2. Eu escolhi sonhar. Projetar coisas dentro da minha cabeça, do jeito que eu bem entender e sem dar satisfação aos outros faz eu me sentir poderosa. =)

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que medo!!!! Eu prefiro ter que ignorar pessoas quando elas não me convém! É mais simples!

    Beijos!

    Visite o meu blog tb: www.mensageirosdosventos24x7.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. hahahha, cada um faz sua escolha. adoro este texto que fiz pois no final, tem uma pergunta que todos respondem. mesmo que só na cabeça. Fiz no intuito de causar este impacto mesmo, é.

    ResponderExcluir
  5. bem interessaante...me lembrou ate seriados...
    gostei

    http://vauneiguimaraes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Macabro, mas intenso.rs... Gostei do jeito como escreve, parabéns. Estilosa.

    http://escondidin.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Interessante o texto.
    Cada um faz suas escolhas e a elas fica aprisionado.

    http://www.lafayetearaujo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Texto escrito para despertar, e quase sempre ouvir palavras diferentes das usadas em sua construção. Serve de catalisador de emoções e sentimentos que serão antagônicos aos desritos(...)

    Eu escolhi viver, e de maneira intensa e feliz! Para isto, sonho, escrevo, estudo, trabalho, e amo todos que me fazem o bem.
    Obrigado pela visita e comentário ao meu blog. volte sempre. Serei seguidor seu.

    www.filosofiadeliquidificador.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Matar é uma boa opção. Desde que se mate desesperanças, o odio, a indiferença, a total submissão, a vontade de ir além.

    ________
    http://www.coracaoonline.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Eu escolho combater a ignorância e ignorar os que não me compreendem, mas confesso que matar muitas vezes parece a melhor opção

    ResponderExcluir
  11. Em mim, um amante do terror e do suspense, esse texto causa um grande impacto. Talvez porque dentro de mim exploda uma alma de assassino que se expressa em palavras. Talvez seja por isso que muitas vezes me delicio ao ler contos de matanças e histórias de suspense. A excitação é demais! Assim como, da mesma forma a forte história de um amor encontrando sua alma gêmea me comove e muito. Afinal, o que seria da vida sem essa diária e exótica explosão de sentimentos? Acho que nada. Hahaha.

    Eu escolho sonhar. Nos meus sonhos. Nos sonhos dos outros. Ótimo blog, vou segui-lo, e você ganhou mais um fã.

    Atenciosamente, Tadashi Katsuren.
    Contos e poemas, escritos por mim, em:
    let-me-fly-with-you.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. bom miniconto
    impactante
    tem algumas arestas, mas mostra personalidade

    ¡hasta luego, niña!

    ResponderExcluir
  13. escolho morrer.. ao gostaria de sentir os sangues quentes ou ate msm frios em minhas maos... por mais dificio que a vida seja.. ao devemos, olhar por esse ponto sempre.. o texto é pequeno.. mas muito forte... e a imagem pode assustar.. mas fala tudo que esta o texto... parabens..

    ResponderExcluir
  14. Obrigado pela opinião de voces, é sempre importante saber o que todos pensam.

    ResponderExcluir
  15. muito obrigado por comentar no meu blog e estou aqui para retribuir,sempre que colocar novos post é so entrar no meu blog e avisa que irei comentar com muito prazer.
    respondendo a pergunta eu escolheria matar tambem.
    abraços
    grupoverdadecoulta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. você encorporou o Dexter agora, né?
    - http://www.youtube.com/watch?v=_ZYLRy14bzg

    assisti! Igualzinho, cara! *-*

    ResponderExcluir
  17. na verdade escrevi este texto depois que havia visto uma reportagem sobre psicopatas.

    ResponderExcluir
  18. É bem psicopata mesmo, mas parece a realidade de hoje! Filhos matando os pais, torturando crianças, enfim...

    Não há para onde correr, eu escolhi matar... E você?
    Eu escolhi escrever em blog e fazer jornalismo, e viver em paz!
    Pelo menos é o que eu quero! hahaha

    http://falando-peloscotovelos.blogspot.com/

    ResponderExcluir